Categoria:Programação

Novidades no Blog

Olá

Depois de um dia quebrando cabeça com o BlogEngine, como já pode ser visto, o Blog esta de cara nova. Aquele negocio de “Pausa para o café” não funcionou como eu queria e tava dando a ideia de que o blog era sobre java (por causa da xicara de café).

A versão do BlogEngine também foi atualizada (agora na versão 1.4.5) e foi onde mais tive dor de cabeça, pois algumas coisas não funcionaram como deveriam (o backup e o restore de dados, por exemplo). A nuvem de tags sumiu também 🙂

O endereço do blog também mudou. Antes estava escondido dentro de um diretorio chamado blog2 (com redirecionamento no blog.rafaelamorim.com.br). Agora esta devidamente colocado no diretorio blog.

Outras correções efetuadas:

  • O tema atual do blog (o coloridão) não funciona bem no IE 6. Para contornar, coloquei no pre init das paginas o seguinte código:

protectedoverridevoid OnPreInit(EventArgs e)

{

   HttpBrowserCapabilities bc;

bc = Request.Browser;

   if (bc.MajorVersion <= 6 && bc.Browser == “IE”)

 

   {

      MasterPageFile = BlogEngine.Core.Utils.RelativeWebRoot + “themes/Standard/site.master”;

}

   else

 

{

MasterPageFile = BlogEngine.Core.Utils.RelativeWebRoot + “themes/”+BlogEngine.Core.BlogSettings.Instance.Theme.Trim()+“/site.master”;

}

}

 

  • Os logotipos abaixo do campo de busca também foram colocadas para mostrar do que o blog vai falar.
  • Tem mais coisa que eu mudei. Mas infelizmente não lembro Tongue out

Muito obrigado, PHP

Olá

Depois de algum tempo dá pra perceber algumas coisas na programação.

Uma é que não importa o quanto a gente estude, a gente nunca sabe o sufiicente para se manter só naquela linguagem (pelo menos no meu caso).

Outra é que não dá pra dizer que “nunca vou estudar essa ou aquela linguagem”. A cabeça precisa estar aberta SEMPRE! Como diz o Rappa, “o novo já nasce velho”.

Mas por que estou escrevendo sobre isso?

Foi-se o tempo em que eu pensei que o PHP bastava…. O asp é a mesma coisa e o .NET é só pra elite quem não tem o que fazer pq não vai dar certo. Isso é um erro.

A Microsoft investe muita grana pra que o .NET chegue nas casas das pessoas. E até onde eu vejo a versão 3.5 do .NET está muito boa, o que facilita a vida do desenvolvedor.

Sendo assim, comunico que oficialmente não escrevo mais nada em PHP.  Ainda tenho o FRADE em PHP, que estou planejando uma migração para o .NET em breve.

Aos amigos do PHP, obrigado pela ajuda que recebi nesses anos todos…

Aos novos amigos do .NET (em especial os do SharpCode) se preparem… tenho muitas duvidas…hehehe

Até!

Code Review no Google Code

Colaboração: Miguel Galves

Data de Publicação: 11 de August de
2008

O Google adicionou uma nova funcionalidade ao seu Google Code:
sistema de Code Review, ou revisão de código. A idéia é bem simples: permitir
que colegas e pares de projeto possam revisar e comentar o seu código. Isto
ajudaria a aprimorar a qualidade do código e reduzir o número de bugs, uma
vez que um olhar externo atento pode captar coisas que aos olhos do
desenvolvedor se tornam invisíveis (se não me engano, esta é um pouco a idéia
por trás do Pair Programming preconizado pelo XP).

Eu acho este
processo muito interessante, mas até hoje nunca vi aplicado de forma
sistemática dentro de uma equipe. Muitas vezes, quando escrevo algum código complexo (envolvendo muita matemática, baixarias em bits ou algoritmos
bisonhos), peço pra alguém dar uma olhada e ver se está tudo OK. E muitas
vezes eu dou uma olhada no código dos meus colegas, sobretudo dos mais
inexperientes. Ajuda muito. Gostaria de conseguir colocar isso dentro do
processo de desenvolvimento da minha equipe de projetos.

Voltando ao
Google Code, a interface para a revisão de código é extremamente simples e
intuitiva: entre no modo de visualização do código do repositório, abra um
arquivo fonte, clique na linha que deseja comentar e salve. Simples e
eficiente!

Texto original publicado no Log4Dev (http://log4dev.com/2008/07/31/code-review/).

Miguel
Galves é Engenheiro de Computação, autor e editor do blog Log4Dev (http://log4dev.com). Procurando Emprego 2.0?
Job4Dev (http://job4dev.com)

Conectar Delphi 7 com MySQL

Essa duvida apareceu na aula de Banco de Dados 2.

No Mata Burro Google, achei esse texto. Ele Começa assim:

Bom, como todos sabem, o Delphi tem a possibilidade de usar banco de dados Mysql.

Mas muitas pessoas não sabem como fazer isso, para ter uma idéia, o banco de dados SQL, é bem conhecido na programação em Object Pascal, mas servidores SQL são muito caros.

Por isso irei lhes mostrar neste artigo, como usar banco de dados Mysql, que é muito mais em conta que servidores SQL.

Mas afinal, o que é Mysql?
MySQL é um sistema de gerenciamento de banco de dados relacional que utiliza a linguagem padrão SQL e é largamente utilizado em aplicações internet.

Copiado descaradamente daqui (clique no link para ver a matéria completa).

Do PostgreSQL para o Excel

 

Essa dica é pra quem precisa importar dados do postgres (ou qualquer outro SGBD) para o excel.

O comando é via macro e eu só usei no Excel 2003.


Sub Executa_SQL_PG(rSql As String, rPlaSaida As String, rCelSaida As String, rIP As String, rPorta As String, rBanco As String, rUsuario As String, rSenha As String, rSchema As String)

‘Esta função conecta no banco de dados, executa o sql e devolve na celula indicada
‘ rSql      => Comando a ser executado
‘ rPlaSaida => Nome da planilha onde os dados vão retornar. Se em branco, retorna na atual
‘ rCelSaida => Endereço de Célula onde os dados vão sair. Se em branco, retorna na A5
‘ rIP       => IP do servidor
‘ rPorta    => Porta onde conectar
‘ rBanco    => Nome do Banco de Dados
‘ rUsuario  => Nome do Usuario
‘ rSenha    => Senha do Usuário
‘ rSchema   => Schema a considerar

Dim cnt As ADODB.Connection
Dim rst As ADODB.Recordset
Dim stSQL As String
Dim wbBook As Workbook
Dim wsSheet As Worksheet
Dim rnStart As Range
Dim stADO As String

‘ valida planilha de saida
If rPlaSaida <> “” Then
Sheets(rPlaSaida).Select
End If

‘ valida celula de saida
If rCelSaida = “” Then
rCelSaida = “A5”
End If

stADO = “Driver={PostgreSQL UNICODE};Server=” & rIP & “;Port=” & rPorta & “;Database=” & rBanco & “;Uid=” & rUsuario & “;Pwd=” & rSenha & “;”

Set wbBook = ActiveWorkbook
Set wsSheet = wbBook.Worksheets(rPlaSaida)

With wsSheet
Set rnStart = .Range(rCelSaida)
End With

stSQL = rSql

Set cnt = New ADODB.Connection

With cnt
.CursorLocation = adUseClient
.Open stADO
.CommandTimeout = 5000000
Set rst = .Execute(stSQL)
End With

‘Here we add the Recordset to the sheet from A1
rnStart.CopyFromRecordset rst

‘Cleaning up.
rst.Close
cnt.Close
Set rst = Nothing
Set cnt = Nothing

End Sub

 

Dá pra fazer gravando uma macro usando a importação de dados externos do excel. Mas ai depende de ter uma odbc na maquina e o resultado nao sai da tabela (até sai, mas da muito trabalho), o que aumenta o tamanho dela.

 

É isso. Abraços!